Deputados federais aprovaram recentemente através de pleitos eleitorais, uma lei que incentiva a expansão do colonialismo judaico em territórios da Cisjordânia, no Oriente.

Milhares de palestinos classificaram como roubo, a controversa legislação do parlamento israelense, por ocupar suas terras; de acordo com alguns jornalistas da Reuters Agence.

Enquanto a insatisfação continua, as habitações em terrenos privados permanecem em crescimento. Muitos juristas e geógrafos internacionais, têm a lei como inconstitucional.

Conflitos armados poderão acontecer brevemente em razão da problemática territorial.

Nenhum comentário:

Postar um comentário