Uma decisão que proibia a posse do ministro recém-nomeado Moreira Franco - emitida pelo juiz Eduardo Rocha Penteado; foi derrubada nesta quinta-feira (9), em Brasília (DF).

Franco que é investigado por processos que tramitam na Operação Lava Jato, foi escalado por Michel Temer (PMDB), como o ministro da Secretaria-Geral da Presidência.

Há quem diga que nomeação do político seja propositalmente para que o mesmo ganhe foro privilegiado - direitos de julgamento especiais e brandos com benefícios jurídicos.

A derruba do parecer contra o ministro foi arquitetada pela Advocacia-Geral da União.

Nenhum comentário:

Postar um comentário